.

.

.

.

terça-feira, 26 de março de 2013

ROMANTISMO



O Útero é um purgatório. É mais confortável que a existência e menos prazeroso que a inexistência. O paraíso é o NADA. O romantismo de Hollywood, da Rede Globo e de outras cabeças chócas é uma tentativa desesperada e ridícula de reproduzir a vida intra-uterina. Vida intra-uterina só acontece uma única vez. DOIS EM UM, SÓ NO ÚTERO DA MAMÃEZINHA. ENTENDEU? FALÁCIAS DO ROMANTISMO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário