.

.

.

.

quarta-feira, 1 de julho de 2015

DINHEIRO É IGUAL A SOFRIMENTO

Hoje, eu vou realizar o meu sonho blogal: vou ser breve.
No execrável mundo capitalista, para quem é honesto, o dinheiro significa muito sofrimento. 
Por causa do dinheiro
Acordo quando não quero
Durmo quando não desejo
Não como quando estou com fome
Ouço os discursos mais falsos e estúpidos
Engulo os mais obesos e venenosos sapos
Convivo com quem não gosto
Sou obrigado a não ser eu próprio
Finjo que está tudo bem
Não posso dizer o que penso
Concedo e me submeto a imbecis
Enfrento calado as maiores injustiças
Dou bom dia pra cavalo
Ando de camião que todos chamam de ônibus
Sou depósito do lixo mental do chefe
Sorrio quando estou morto por dentro
Sou pisado pelo poder espúrio do capital
O medo é meu companheiro inseparável
e sonho com modelos alternativos.
Eu disse que ia ser breve e fui. Esta lista tem muito mais de cem itens. Então, meu queridos amigos, quando metem a mão no meu bolso para pagar impostos e coisas que tais, todo o meu sofrimento está implícito. Ou não?
P.S. A palavra trabalho tem a sua origem num instrumento de tortura medieval chamado tripalium. Mais ócio e menos trabalho. 
E uma das provas irrefutáveis de que de fato, esta sociedade está gravemente enferma é que ela até já é capaz de produzir monstros chamados, como se nada fora, de workaholics.

Nenhum comentário:

Postar um comentário