.

.

.

.

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Dos microorganismos a Einstein

O pudor é um sentimento em extinção, todavia, peço um pouco de pudor aos que deliram por compulsão. Em 3,5 bilhões de anos de pura, maravilhosa e óbvia evolução, o protozoário, o fungo, a bactéria e o vírus, tornaram-se Albert Einstein. "C'est simple comme bonjour."
O pessoal do Jardim do Éden, também não tem pudor. Adão e Eva, são protagonistas de uma das maiores  alucinações coletivas do ocidente. Sugiro menos desespero e mais aceitação para o que não tem sentido.
É possível flanar pelas avenidas do non-sens, se se aprendeu a viajar budisticamente pelas veredas reveladoras de si mesmo.

Um comentário:

  1. Muito boa explanação, meu caro amigo Joaquim, sobre mais duas TEORIAS existentes: Criacionismo e Evolucionismo.
    Parabenizo-o pela objetiva exposição, mas não pelo Reducionismo da apresentação.
    Um grande abraço, Joaquim!

    ResponderExcluir