.

.

.

.

sábado, 27 de junho de 2020

Os preconceitos seletivos


Nesta asquerosa modernidade líquida, pretendem acabar com o que nunca terá fim: o preconceito. Não sou favorável nem cultuo o preconceito, mas é forçoso admitir que as culturas se alimentam de preconceitos e não existe ninguém na face da terra sem preconceitos.
O que parece podermos fazer é educar as pessoas no sentido de controlar e reduzir o número de preconceitos. Também me parece justo, não priorizarmos preconceitos. No Brasil, há um preconceito que já foi ostensivo e agora é tabu: o preconceito insofismável contra os portugueses. Acrescento este, à vasta lista de preconceitos que enxovalha e mancha este país. 

Um comentário:

  1. Existe o outro lado da moeda em relação a brasileiros e portugueses: para os portugueses toda brasileira é prostituta, por exemplo.
    De um modo geral, os portugueses se acham superiores aos brasileiros e esse sentimento é bem mais forte em Portugal.
    Os portugueses que moram no Brasil meio que se acanham nessa questão de superioridade, mas em solo português eles colocam para fora tudo de ruim que pensam dos brasileiros.

    ResponderExcluir